MEDIAÇÃO COMUNITÁRIA E OS DESAFIOS DA COLABORAÇÃO, COM ALEJANDRO CEVALLOS

Fundo laranja com efeito sépia, onde se vê rosto de homem branco, olhos castanhos, bigode e barba escuros; chapéu e camisa de cor escura. Texto em fonte de cor branca. Onde se lê em letras grandes destacadas,ALEJANDRO CEVALLOS. No canto inferior esquerdo, leia-se: MEDIAÇÃO COMUNITÁRIA E OS DESAFIOS DA COLABORAÇÃO, no canto inferior direito, leia-se: WEBINÁRIO QUARTA 23/6 - 19h.

MUSEU, EDUCAÇÃO E COMUNIDADE

Pensando que o significado atribuído a ideias como criatividade ou educação está condicionado ao contexto cultural e comunitário de quem define, que desafios são decorrentes do diálogo e da colaboração entre diferentes sistemas de saberes e compreensão do mundo? Diante dessa interrogação e da proposta de pensar o papel articulado entre museu, educação e comunidade, o educador Alejandro Cevallos debate e compartilha conosco suas experiências no campo da mediação comunitária com  comunidades e  trabalhadoras do comércio popular de Quito – Equador.

Alejandro Cevallos é graduado em artes pela  Universidad Central del Ecuador, antropologia visual e documentário etnográfico pela Facultad Latinoamericana de Sciencias Sociales. De 2011 a 2015 coordenou o Departamento de Pesquisa Comunitária e Mediação Comunitária da Fundação Museos de la Ciudad. Em 2016,  participou do projeto “Dias de Estudio” com co-curadoria de Sofia Olascoaga, no âmbito do projeto “Incerteza Viva”, da 32º Bienal de SP. Em 2017, participou do projeto “Sociología de la Imagem” de Silvia Rivera Cusicanqui em La Paz. Entre 2016 e 2019, trabalhou na organização de oficina de bordado e educação popular junto à María Elena Tasiguano e à Associação de Trabalhadores Runacunapac Yuyay independente do Mercado San Roque. Colabora com a University of the Arts dando seminários sobre métodos de pesquisa. É membro da rede Another Roadmap – Escola de Pesquisa sobre educação popular e comunitária e suas possíveis relações com o campo da educação artística e da mediação cultural. Atualmente, coordena o Museu da Cidade de Quito.

Confira a gravação dublada em português:

 

Confira a gravação original em espanhol: